Por Dríade Aguiar


Rodinha pop no Nevilton

Nevilton foi a minha surpresa do dia. Galera, é do caralho. Os paraenses falam que suas influências são Beatles, Cake e Los Hermanos, mas o felling de assistir um show deles é bem diferente. A vontade de dançar é quase inevitável de segurar. Tanto que o pessoal na frente do palco estava fazendo a primeira roda “pop” – não sei como chamar quando várias pessoas ao mesmo tempo dançam loucamente com outras pessoas desconhecidas – que eu já. Coisa parecida, só com bandas como Triêro, mas num ritmo totalmente sem semelhanças. E a presença de palco de todo o trio é contagiante. Recomendo.

Leave a Reply